Edital “Microprojeto Cultural” recebe inscrições a partir de 8 de janeiro

As inscrições deverão ser feitas, exclusivamente, através da plataforma online do Mapa Cultural de Pernambuco

O edital é destinado a projetos de baixo custo elaborados por jovens ou para jovens.

Com o objetivo de incentivar a produção de atividades artístico-culturais de baixo orçamento, a Secretaria de Cultura e a Fundarpe lançam o edital Microprojeto Cultural. O edital foi criado dentro da lei que reformulou o Sistema de Incentivo à Cultura, criando, para além do Funcultura, as modalidades de Mecenato Cultural de Pernambuco – MCP, e Crédito Pernambucano de Incentivo à Cultura (Credcultura). O Microprojeto Cultural será mais um edital do Fundo Pernambucano de Incentivo à Cultura (Funcultura) e ficará com 2% do seu orçamento para “estimular a criação e participação do produtor e criador no desenvolvimento da arte e da cultura, promover a cidadania cultural e estimular as expressões locais, com garantia de regionalização”.

O edital e seus anexos podem ser acessados AQUIAs inscrições deverão ser feitas, exclusivamente, pela plataforma Mapa Cultural de Pernambuco, a partir do dia 08 de janeiro de 2019. Para inscrever seus projetos pelo Mapa Cultural, os interessados devem ter o seu cadastro como produtor cultural atualizado. O Cadastro de Produtor Cultural está agora informatizado e pode ser feito a qualquer momento pelo endereço http://sic.fundarpe.pe.gov.br/funcultura

“O edital dos microprojetos é dirigido principalmente a uma população que não acessa ou acessa pouco o Funcultura. Ele resulta de uma diretriz da nossa política cultural, a de promover a desconcentração dos recursos. Com os microprojetos pretendemos tirar da margem e da invisibilidade a produção e os jovens talentos”, observa a Secretária Executiva de Cultura do Estado, Silvana Meireles, ao destacar que os trabalhos propostos devem ser feitos necessariamente por jovens ou para os jovens.

Essa modalidade é caracterizada por um edital simplificado em sua forma de apresentação e de prestação de contas, sendo elaborado por pessoa física, jurídica sem fins lucrativos ou Micro Empresário Individual (MEI). Serão premiadas as propostas de indivíduos, grupos e coletivos, formados por jovens (18 a 29 anos) de baixa renda, principalmente, de regiões ou cidades pernambucanas com baixo Índice de Desenvolvimento Humano (IDH); ou iniciativas de pessoas jurídicas sem fins lucrativos para a população jovem em situação de vulnerabilidade.

Para a presidente da Fundarpe, Márcia Souto, o novo edital “vem para fortalecer o sistema estadual de incentivo à cultura, democratizando o acesso a financiamentos que atendam à complexidade e à diversidade da nossa produção cultural”, diz a presidente. Márcia Souto ressalta ainda que os aprimoramentos que ocorreram com a nova lei do SIC foram construídos a partir de demandas observadas nas três Conferências Estaduais de Cultura, planejamentos situacionais, fóruns regionais e setoriais, assim como nas escutas do “Todos por Pernambuco”, cujo tema da ampliação do Sistema de Incentivo à Cultura foi assunto recorrente.

Ao todo, poderão ser contemplados até 42 projetos no valor máximo de 15 mil reais que se enquadrem em qualquer segmento cultural e que estejam distribuídos pelas macrorregiões do Estado. Os trabalhos devem ter como foco o desenvolvimento sociocultural do Estado, com a finalidade de promover a cidadania, a transmissão de saberes e a sustentabilidade econômica.

Dúvidas sobre o edital podem ser esclarecidas, a partir de 02 de janeiro de 2019, pelos números: (81) 3184-3080/3184-3012; ou pelo e-mail microprojetocultural@gmail.com.

 

 

Fonte: http://www.cultura.pe.gov.br

2019-01-09T09:32:51+00:00 janeiro 9th, 2019|Editais, Vitrine|0 Comentários

Sobre o Autor:

Deixar Um Comentário