Festival de música em Surubim vai reunir bandas da psicodelia nordestina

Agreste Psicodélico será realizado nos próximos dias 9 e 10 de fevereiro, com shows de Anjo Gabriel, Rasga Mortalha, 70mg, Verdes & Valterianos e Olegário Lucena, entre outras atrações

Atração principal do evento, Anjo Gabriel se prepara para lançar novo disco este ano

A lacuna de eventos na região como o Macuca Festival – que não aconteceu mais – e a vontade de levar a banda Anjo Gabriel até Surubim foram os principais impulsos para a realização da 1ª edição do Festival Agreste Psicodélico, que acontece nos próximos dias 9 e 10 de fevereiro e conta na sua programação com outras bandas e artistas da psicodelia nordestina. Os shows e intervenções serão realizados na Fazenda Salgado (Bairro Bela Vista) durante as mais de 24h de festival. Já os  ingressos estão à venda pela Sympla.

Promovido pela Grecco Produções, o Agreste Psicodélico tem como propósito promover a união através das artes e da integração de artistas com o público, valorizando as trocas e conexões. Em paralelo aos shows, o público contará nas 27 horas de programação com exposições, intervenções artísticas, feira de artigos do gênero (com CDs, pôsteres, discos e camisas, entre outros) e Praça de Alimentação.

Além de Anjo Gabriel, as bandas já confirmadas são a paraibana Augustine Azul, as caruaruenses Rasga Mortalha e 70mg, e as recifense Verdes & Valterianos e Olegário Lucena, entre outras – como o DJ Marco Da Lata. Segundo Julio César, a curadoria do festival partiu do princípio de dar visibilizada às bandas da região que tenham a pegada psicodélica, não só ao pé da letra, mas nas nuances mesmo. “Como a gente já tinha a experiência de fazer festivais, tínhamos backline próprio e com o contato do Anjo Gabriel na mão, decidimos realizar esse evento e começamos a convidar os outros grupos”.

Já o interesse em produzir um festival de música psicodélica em pleno agreste pernambucano, explica Julio César, surgiu a partir do sonho de levar a banda Anjo Gabriel até Surubim. “Nós já produzimos alguns eventos na cidade, como o Surubim Rock Fest e outros ligados a artes visuais e plásticas, e tínhamos contato com a galera da banda olindense. Depois do fim da Macuca Festival, por exemplo, ficou uma lacuna de festivais voltados pra esse gênero musical. Foi ai tive a ideia de fazer o Festival Agreste Psicodélico, devido a carência de eventos do tipo na região”.

Entre as atrações e expositores já confirmados estão a exposição ‘Entre o tempo e o espaço’, da artista visual Ythalla Maraysa; a performance ‘Desobediência civil’, de Igor Lopes Wanderley; e o estúdio de artes visuais ‘Joelhos de Velho’. “A ideia é deixar tudo bem distribuído, e nos intervalos de cada show a gente tenha a apresentação de DJs, intervenções e apresentações de atrações locais, como Boi Surubim, Banda de Pífano do Mestre Louro e Noé da Ciranda”, ressalta César.

Dentro desse viés de dar apoio ao pessoal a ter visibilidade, a arte, por exemplo, foi desenvolvida pelo artista Wanderlei Soares, um jovem de Surubim. “Ele trabalhou com Ziraldo no Rio de Janeiro por muito tempo e criou muitas capas de DVD pra artistas. É uma joia nossa”, revela o produtor do festival.

A organização do Agreste Psicodélico também está organizando caravanas partindo de cidades como Arcoverde, Belo Jardim, Garanhuns, Caruaru, Recife e João Pessoa. Os detalhes podem ser obtidos através da do telefone (81) 99744 2602. “Eu sei que tem muita gente vindo de carro próprio também da Paraíba, do Rio Grande do Norte e Alagoas, e, além das excursões, também estamos articulando grupos de carona pelo Whatsapp”, pontua César.

Serviço:
Festival Agreste Psicodélico
9 e 10 de fevereiro | a partir das 16h
Fazenda Salgado, Bela Vista, Surubim-PE
Ingressos: a partir de R$ 20 (meia) + taxas

Programação:
-Anjo Gabriel (Recife-PE)
-Augustine Azul (João Pessoa-PB)
-Verdes & Valterianos (Recife-PE)
-70mg (Caruaru-PE)
-Olegario Lucena (Taquaritinga do Norte-PE)
-Rasga Mortalha (Caruaru-PE)

Participação especial:
DJ Marco Da Lata – discotecagem de vinil (Recife-PE)
Centurion da Mata (Recife-PE)

Intervenções Artísticas / Performances:
*Igor Lopes Wanderley apresenta a encenação:
DESOBEDIÊNCIA CIVIL
*Performance Fogo e Dança
COLETIVO MONTIRÔ

Exposição de Fotografia:
ENTRE O TEMPO E O ESPAÇO
Por Ithalla Maraysa

Exposição e Vendas:
ESCRIBA HOSTIL
Por Guga Burkhardt

 

 

Fonte: http://www.cultura.pe.gov.br

 

2019-02-08T09:09:39+00:00 fevereiro 8th, 2019|Notícias|0 Comentários

Sobre o Autor:

Deixar Um Comentário