MESTRA DONA DAMIANA

Damiana Maria de Lima, ou Dona Damiana, como é conhecida, é moradora de Orobó, no Agreste do Estado, e trabalha com o frivolité, renda francesa que também pode ser conhecida como espiguilha ou rendilha. Seu ofício consiste na arte de criar renda por meio da linha de crochê e técnicas de nós, sem o uso de costura, unindo nós e laços em formas de anéis ou arcos até a finalização da obra.

Aprendeu o ofício aos 13 anos de idade, ainda na escola, e viu no artesanato uma maneira de fugir da realidade que vivia. Nascida e criada na roça, Damiana se esquivou da agricultura para se tornar artesã. A partir do seu trabalho, foi morar na cidade de Orobó, sem esquecer-se das raízes da agricultura. Até hoje mantém o terreno com plantações, no entanto, se orgulha em dizer que sua principal atividade hoje é o frivolitê, indo de toalhas de mesa a vestidos de noiva, passando por passadeiras, colchas e almofadas.

Orobó, a terra que lhe acolheu, é hoje conhecida como a “Terra do Frivolitê”, possuindo uma grande concentração de artesãos da área. No município foi criado, há quase duas décadas, uma associação comunitária das artesãs de Órobo, que realizam a venda das peças online.

Damiana vende seus produtos principalmente em feiras intinerantes e na Fenearte, onde os produtos são um grande sucesso e agradam a vários gostos.

 

 

 

 

 

CONTATO

Rua Dom Sebastião Leme, s/n, Orobó – Pernambuco

(81) 99764.4977

Texto: Débora Oliveira l Fotos e vídeo: César de Almeida

 

Fonte: Artesanato de Pernambuco

2018-08-01T21:43:50+00:00 julho 12th, 2018|Artesanato, D, Notícia em Destaque|0 Comentários

Sobre o Autor:

Deixar Um Comentário