Mestre Célio Roberto

Mestre Célio Roberto

Nascido na cidade de Pedra, em Pernambuco, Célio Roberto atualmente mora no povoado de Guanumbi, município de Buíque, a 290 km da capital Recife. Célio se descobriu artista aproveitando os restos de barro de uma olaria fundada por seu pai quando ele ainda tinha oito anos de idade. O que começou como uma simples brincadeira demonstrou o talento que possibilitou transformar a diversão em ofício. Esse talento foi revelado, sobretudo, através da capacidade que tinha Célio de fazer caricaturas de moradores da região.

A caricatura de um senhor chamado “Zé de Lixandre” foi a primeira delas, sendo ela a peça que abriu caminho para tantas outras que viriam posteriormente. Hoje, depois de ter aperfeiçoado suas habilidades com o barro, impressiona a todos pelo seu perfeccionismo nas feições e no detalhe característico de cada uma das pessoas que retrata. Tornou-se um retratista do barro.

Célio divide seu tempo entre a criação de gado e a sua arte. É fiel aos métodos tradicionais de manejo com barro sem qualquer mecanização, apenas a enxada, as mãos e umas poucas ferramentas improvisadas. Ele mesmo é o responsável pela extração e pelo preparo do barro dentro de uma pequena propriedade rural que possui. Com o talento e o aperfeiçoamento de suas habilidades, ao longo dos anos, vem retratando figuras conhecidas do mundo da arte, da política e algumas personalidades, tais como Dominguinhos, Patativa do Assaré, Luiz Gonzaga, Lampião, Ariano Suassuna e o presidente Lula, que recebeu uma imagem sua quando visitou a cidade de Buíque.

Com o reconhecimento pela sua arte e após algumas edições da maior feira de artesanato da America Latina, a Fenearte, segue com seu trabalho confeccionando lindas obras de arte, no qual algumas podem ser vistas em seu ateliê, localizado no povoado de Guanambi, em Buíque-PE.

CONTATO – (87) 99826.0106 l 99931.3634

Texto: Danilo Martins l Fotos e vídeo: César de Almeida

 

 

Fonte: Artesanato de Pernambuco.

2018-09-25T10:56:05+00:00 julho 13th, 2018|Artistas de A a Z, C|0 Comentários

Sobre o Autor:

Deixar Um Comentário